Imagem da semana


Designed by:
SiteGround web hosting Joomla Templates
Estratégia para elaborar um bom Mapa Conceitual

Olá pessoal, tudo bem?

Publico a seguir um passo a passo que pode ajudá-los a fazer um bom MC, desenvolvido por meu orientador na pós-graduação. Use essa seqüência e tente elaborar um MC sobre os assuntos que você tem que estudar para a próxima prova.

Elaborando um mapa de conceitos: passo a passo

#1: Identifique os conceitos pertinentes
Quais são os conceitos mais importantes sobre o tema a ser considerado? Selecione entre 15-20 conceitos e faça uma lista. Esses conceitos devem ser compostos, preferencialmente, por uma única palavra (use, no máximo 2 ou 3 palavras para designar um conceito).
Obs: Se der vontade de utilizar mais do que 20 conceitos, considere a possibilidade de preparar 2 MC, subdividindo do tema inicial em 2 sub-temas.


#2: Ordene os conceitos selecionados
Organize a lista de conceitos do seu grupo colocando na parte superior da lista os conceitos mais amplos e gerais, deixando na parte inferior da lista os conceitos mais específicos.
Obs: Essa etapa é fundamental para organizar um MC de forma clara.


#3: Organize os conceitos do seu MC
Comece o seu MC colocando os conceitos mais gerais na parte superior da folha de sulfite. Freqüentemente, há somente 1, 2 ou 3 conceitos gerais na parte superior do MC.
Obs: Escolha os conceitos mais gerais! Evite usar mais do que 3 conceitos no início do seu MC (parte superior), pois isso pode dificultar a leitura das proposições.


#4: Incorpore outros conceitos
Agora, selecione outros 2, 3 ou 4 sub-conceitos para adicionar embaixo dos conceitos gerais. Evite colocar mais do que 3 ou 4 conceitos embaixo de qualquer outro conceito. Quando existirem 5 ou mais conceitos relacionados com um conceito mais amplo, você pode adicionar um conceito intermediário entre eles, criando um outro nível de hierarquia no seu mapa. Inclua mais conceitos se você achar necessário.
Obs: Se der vontade de relacionar um conceito geral com mais do que 4 conceitos da sua lista, pense num conceito intermediário. Esse exercício fará você refletir profundamente sobre as idéias dos textos! Além disso, se for pertinente, inclua mais conceitos no seu MC: durante a montagem, você pode ter novas boas idéias... mas não exagere! Use, no máximo, 30 conceitos por MC.

 


#5 Ligue os conceitos com Conexões Explicativas
Faça setas (linhas que indicam o sentido de leitura) entre os conceitos unindo-os 2 a 2. Sobre essa linha escreva 1 ou poucas palavras que definam uma relação entre os conceitos. Essa conexão deve criar sentido, formando uma unidade semântica. Por exemplo:
inseto --tem um par de--> antenas.
A leitura da proposição (conceito inicial + conexão explicativa + conceito final) deve fazer sentido.
Obs: Dicas! [1] Sempre utilize um verbo para expressar a relação entre 2 conceitos. [2] Tome cuidado com o uso de conceitos no singular e/ou plural: o verbo do termo explicativo deve concordar com os conceitos. Por exemplo:
aluno de Ciências -- gosta muito do --> professor Amparo, ou alunos de Ciências -- gostam muito do -->
professor Amparo.

 


#6: Revise e altere seu mapa
Dificilmente fazemos um bom MC na primeira tentativa. Por outro lado, você não precisa jogá-lo fora e começar tudo novamente. Revise e altere a primeira versão do seu MC. Você pode incluir, retirar ou alterar os conceitos gerais e específicos. Esse momento é muito valioso, pois vai acelerar seu aprendizado: quanto mais você tentar melhorar seu mapa, mais você aprenderá sobre o assunto em questão.
Obs: Revisar um MC é muito mais valioso do que fazer um MC. Nessa revisão, você fortalecerá seu aprendizado e encontrará forma de deixar a relação entre os conceitos ainda mais clara. Você aprenderá para valer... e não esquecerá de nada tão cedo!

 


#7: Verifique possíveis ligações cruzadas
Após refletir sobre seu MC você pode achar importante ligar conceitos que estão em diferentes partes do mapa. Adicione novas ligações entre os conceitos: as ligações cruzadas podem ajudar você a observar novas maneiras de relacionar os conceitos, ajudando no seu aprendizado.
Obs: Essas relações entre conceitos distantes no nosso MC são identificadas quando a gente faz a revisão do mapa. Nesse ponto, ele vai além de um mero "resumo de texto", que apresenta uma seqüência linear de conceitos e idéias. Por isso, acredite no MC!

 


#8: Incorpore exemplos específicos a alguns conceitos
Adicione exemplos específicos a alguns conceitos do seu mapa para que você consiga relacioná-lo com partes específicas do seu tema de interesse.


#9: Entenda seu MC
É possível elaborar diferentes mapas para o mesmo conjunto de conceitos. Por isso, não se preocupe em buscar a “resposta certa”, pois ela não existe. O MC é pessoal e ele certamente vai mudando na medida em que você vai adquirindo mais conhecimentos. Assim, é natural que você mude seu mapa de conceitos ao longo do desenvolvimento do seu projeto de pesquisa. Como as fotos, os MCs também mudam com o tempo...


#10: Identifique a pergunta que seu MC responde
Todo MC tenta responder uma pergunta por meio de proposições que relacionam conceitos. Após a revisão, leia seu MC em voz alta e pense: qual a pergunta que seu MC responde? Você pode pensar em várias perguntas, mas selecione aquela que é melhor respondida pelo seu MC.
Obs: Ao definir a pergunta, coloque-a em destaque na parte de cima da folha. Isso permitirá ao leitor do seu MC saber qual pergunta você responde por meio dos conceitos e das proposições propostas!



Clique nesse link para fazer download do software gratuito Cmap Tools e iniciar a elaboração de seus mapas conceituais!

 

Boa diversão.

Um grande abraço.

Prof. Amparo (Carlos Eduardo Godoy).

 

Visite meu Canal no Youtube!

 
Portal Sala de Ciências, Site criado e administrado por Carlos Eduardo Godoy, elaborado com Joomla! e com template original de SiteGround web hosting